São Paulo – Frankfurt

Existe alguma coisa naquelas turbinas, naquelas instruções de voo sem entonação repetidas em 5 línguas pela voz monocórdica da aeromoça, naquele abrir e fechar de compartimentos superiores: existe alguma coisa de inexpugnável no sono que desperta em mim um avião. Foi assim no último voo, que me transportou de São Paulo a Frankfurt, com duração […]